Alunos constroem e lançam foguetes em competição de astronomia

0
16

Uma competição que mais parece diversão. É como os alunos de escolas municipais de Teresina enxergam a Mostra Brasileira de Foguetes (MOBFOG), da qual participaram na manhã deste sábado (19), no Setor de Esportes da Universidade Federal do Piauí (UFPI). A Mostra está em sua 12ª edição e acontece junto com a Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA).

Cerca de 40 estudantes de escolas da Prefeitura, especialmente do Programa Cidade Olímpica Educacional, construíram foguetes artesanais a partir das aulas de astronomia e lançaram em competição. Os que alcançaram maiores distâncias serão premiados em nível nacional. O objetivo é estimular também a prática dos conteúdos aprendidos em sala de aula.

O lançamento empolga alunos, pais, professores e curiosos. Os foguetes são construídos de material reciclado e precisam estar matematicamente corretos para decolar. Os jovens se dividiram em grupos, se prepararam e torceram pelas suas criações, que ganham até nomes.

“Nós levamos o material e construímos tudo seguindo as instruções dos professores, sentimos como se fosse algo realmente nosso”, conta Ana Allycia, aluna da Escola Municipal José Omatti e da turma de astronomia do Cidade Olímpica. Ela, que nunca tinha participado de uma competição antes, espera ganhar experiência. “Eu adoro estudar astronomia, participar do lançamento é uma experiência única, aprendi bastante”, disse.

Para a professora Regina Ibiapina, a MOBFOG é uma das etapas mais divertidas do estudo da astronomia. “Temos esse aprendizado prático em sala de aula, sabemos que prende atenção dos alunos e desperta interesse. O lançamento em campo aberto e com foguetes confeccionados por eles torna a aventura ainda mais interessante. Além das medalhas, conta o aprendizado”, conclui.

Créditos: Ascom

Deixe uma resposta