Imprensa nacional repercute bom desempenho de Teresina no Ideb

Médias 6.8 nos anos iniciais e 6.0 nos anos finais ultrapassam notas alcançadas por capitais que estavam no topo

0
63
Crédito: Ascom/Semec
A educação de Teresina tem sido destaque na imprensa nacional por conta do resultado que a rede pública alcançou no Ideb – Índice de Desenvolvimento da Educação Básica. Na noite desta quinta-feira, o Jornal Nacional repercutiu a posição de 1º lugar entre as capitais brasileiras no exame. As revistas Veja e Exame também fizeram matéria sobre o crescimento da capital piauiense no quesito educação. 

Teresina é, oficialmente, a capital com a melhor educação do Brasil. As médias 6.8 nos anos iniciais e 6.0 nos anos finais ultrapassam as notas alcançadas por capitais que até então estavam no topo, como Palmas e Curitiba, assim como as mais desenvolvidas economicamente, como Rio de Janeiro e São Paulo.

A reportagem exibida pelo jornal chama atenção para a rotina da Escola Municipal Camillo da Silveira Filho foi apontada como exemplo da união de vários setores da comunidade para a transformação do ensino. A matéria também cita o crescimento do Ideb nos últimos 10 anos e mostra a importância de parceiros como a Comunitas, que auxilia na busca por resultados ainda melhores. Para finalizar, a aluna Maria Vitória opina: “todas as crianças deveriam ter essa mesma chance de estudar em uma escola boa”.

O cálculo do Ideb é realizado com base no fluxo escolar e nas médias de desempenho na Prova Brasil. A meta é que o Brasil atinja 6.0 até o ano de 2022. Em Teresina, mais de 10 mil alunos foram avaliados em suas habilidades na língua portuguesa e na matemática. Além de já ter ultrapassado a média nacional, a Rede Municipal comemora mais de 80% das escolas acima dessa nota.

“Os resultados mostram que em Teresina temos uma educação pública de qualidade, onde o professor realmente ensina e o aluno aprende”, destaca o secretário municipal de Educação Kleber Montezuma. Segundo o secretário, o segredo é trabalhar com planejamento e garantir o direito do aluno assistir aula. “Planejar, executar e avaliar são pontos essenciais nesse trabalho. Temos uma equipe de professores e gestores de escolas extremamente focada no desempenho dos alunos, o resultado é fruto dessa dedicação”, afirma.

A Escola Municipal Lunalva Costa, localizada no bairro Dirceu II, zona Sudeste, é um desses exemplos de força e determinação. Essa é a primeira participação da escola na Prova Brasil e a conquista foi uma nota de 8.1, ficando em 2º lugar no ranking do Ideb de Teresina. A professora de língua portuguesa Tatielli Costa acredita que o bom resultado vem do comprometimento com a aprendizagem do aluno.
 
“Nosso trabalho é para atingir as metas, mas é melhor ainda saber que superamos as expectativas, principalmente porque lidamos com os sonhos dos alunos e a confiança das famílias. Em sala de aula, busco praticar muita leitura com eles, motivá-los, mostrar que são campeões”, conta a professora.
Fonte: Ascom/Semec

Deixe uma resposta