Profissionalizar Teresina abre 60 vagas em cursos na área de atendimento

Nesse segundo semestre já foram ofertadas mais de 350 vagas em cursos profissionalizantes

0
24
Crédito: Ascom
Os teresinenses terão mais uma oportunidade de qualificação profissional. Estão abertas as inscrições para mais uma etapa do Profissionalizar Teresina.
Ao todo, serão disponibilizadas 60 vagas para os cursos de vendedor e balconista de farmácia. Nesse segundo semestre já foram ofertadas mais de 350 vagas em cursos profissionalizantes.
Para realizar a matrícula o interessado deve apresentar cópia do RG, CPF, comprovante de endereço e comprovante da escolaridade.

As inscrições são gratuitas e seguem até a próxima quinta-feira (18). Os cursos serão realizados nos Centros de Capacitação dos bairros Parque Brasil e Matadouro. O início das aulas está previsto para o dia 22 de outubro.
 
O curso de Balconista de Farmácia é uma novidade neste ano e tem grande potencial para contratação de profissionais, tendo em vista a expansão do segmento farmacêutico na cidade.

Bianca Amaral, instrutora da Fundação Wall Ferraz, destaca o espaço que a área de atendimento em farmácia tem em Teresina: “É um curso realmente novo e que está dentro de uma proposta bem inovadora para o mercado de trabalho.  Basta andar na cidade para conferir que é um segmento que só cresce pois temos muitas farmácias abrindo e gerando emprego”, afirmou.

Dados da Junta Comercial do Estado do Piauí (JUCEPI) mostram que o ramo farmacêutico cresce a todo vapor em Teresina: em 2015, foram abertas 35 farmácias na Capital; em 2016, 37; no ano de 2017 registrou-se a abertura de 62 farmácias e até meados de junho deste ano já foram abertos 20 estabelecimentos comerciais no ramo farmacêutico somente na capital.

O Profissionalizar Teresina é voltado para jovens e adultos em geral, visando formação profissional que garanta a conquista de oportunidades no mercado de trabalho, seja através do trabalho formal ou de iniciativas autônomas.

Os cursos de formação inicial e continuada ofertados são totalmente gratuitos e garantem capacitação de qualidade aos teresinenses.
Fonte: Ascom/FWF
 

Deixe uma resposta